Quero viver um amor de anime

Ah! Como é bom recordar velhos momentos em nossa vida, esses dias fiquei recordando minha infancia, que saudade daquele tempo em que as horas rendiam para fazer trilhoes de coisas diferentes, em que a nossa mente não preocupava com nada, sonhavamos, brincavamos, corriamos sem parar, eramos ingênuos. É tempinho que nunca mais voltará. Brincar de bola, pique-pega, corrida de bike, andar de patins, carimbada, entre outras milhoes de brincadeiras.
O tempo vai se passando, a gente amadurece, a vergonha domina nosso corpo, e deixamos tudo aquilo que nos divertia de lado. Bem isso foi o que aconteceu comigo, pelo menos minha infância durou até os 15 anos de idade, nota-se que aproveitei bastante. Sou muito grata por isso! Apaixonei de verdade aos 16 anos, depois dessa época não conseguia ficar sem uma paixão. Meu coração fica frágil, desprotegido quando está só.

Quero viver um amor de anime, nunca deixo de sonhar, imagino coisas tão belas, como eu e meu amor sozinhos em algum lugar deserto, admirando o por do sol ou um simples luar. Caindo aos beijos e abraços sem fim. Ah! Como eu queria que esse sonho, que essa vontade tornasse realidade. Queria muito poder guardar inumeras historias fantasiadas de amor, queria muito poder escrever na história da minha vida, aquele amor que vale tanto a pena, aquele beijo infinito, aquele carinho tão quente... É vontades que um dia sempre chega, bem, eu espero que chega. Continuo sonhando, pois sonhar é tudo que podemos fazer para poder seguir a vida em frente e ter sempre esperanças. Mas nunca se esqueça, um grande amor tem que haver sonhos e fantasias. Lá se vai uma poesia espero que essa sai melhor que a de baixo ^^:

Beije-me

Me agarre nesse instante
Me acaricia com muito amor
Olhe fixamente em meus olhos
Deixe me sentir seu calor

Beije-me nesse momento
Devagarinho com muita calma
Escute as batidas do meu coração
Sinta unido na minha alma

Continue me beijando
Não tenha pressa de acabar
Beije-me antes que te beijo
Ou me recuso a te beijar

Beije-me tenho sede de você
Quero me alimentar
Seu beijo é a essencia desse amor
Tenho sede de te amar

Não recusa me beijar
Isso doi, machuca coração
Faz dodoi, chama a solidão
Beija-me e cura nossa paixão

Beija-me sem tempo e sem pressa
Beija-me infinitamente assim
Beija-me tenho sede de você
Beija-me nesse amor até o fim

Não recusa me beijar
Isso doi, machuca coração
Faz dodoi, chama a solidão
Beija-me e cura nossa paixão

Beija-me sem tempo e sem pressa
Beija-me infinitamente assim
Beija-me tenho sede de você
Beija-me nesse amor até o fim.


Beija-me...

By Luana Beatriz (Luh@)

Um comentário:

ĶąĽāŊŏ disse...

Parabéns! Mto linda a Poesia!
AMEI!